Samsung começa o suporte de criptomoedas, entenda!

Samsung começa o suporte de criptomoedas, entenda!

A Samsung adicionou à sua carteira digital recentemente um suporte à criptomoeda TRON. Sendo assim, será mais viável para os usuários da TRON utilizarem a carteira da Samsung.

Essa prática adotada pela Samsung vem, portanto, tornando-se cada vez mais comum com cartões pré-pago, cartões para presente, e agora também com as criptomoedas. Com essa decisão a empresa, no entanto, passa a ter em sua carteira digital uma pequena quantidade de moedas digitais:

  • Bitcoin;
  • Ethereum;
  • Klaytn;
  • TRON.

A decisão da Samsung de incorporar a TRON à sua wallet se deu em virtude da boa fase que a criptomoeda está atravessando. E com a decisão da empresa, houve inclusive uma forcinha para impulsionar a moeda digital.

Leia também – Blockchain: Saiba o que é e como funciona essa tecnologia!

A decisão da Samsung vai de encontro com o crescimento das criptomoedas

Com o aumento da sua carteira digital, a empresa vai de encontro aos anseios dos consumidores. Afinal, as criptomoedas estão ocupando cada vez mais o lugar das moedas tradicionais, o que vem assombrando diversos bancos centrais.

A Samsung passou a aceitar o Bitcoin na Blockchain Keystore muito recentemente. E em bem pouco tempo já avançou na aceitação de outras criptomoedas. Isso mostra que a empresa está portanto realmente destinada a avançar na aceitação das moedas digitais.

Com o anúncio dessa gigante da economia, a cotação do Bitcoin chegou a ganhar uma dose de otimismo, embora a sua valorização já fosse esperada para esse ano. Um outro fato é que tal decisão abre as portas para novas empresas adotarem o mesmo caminho.

2020 será um ano de avanço das criptomoedas

2019 está chegando ao fim, e diante de tantos acontecimentos envolvendo as criptomoedas é de se imaginar que 2020 será um ano de muitas novidades no setor. Principalmente no que diz respeito às stablecoins.

Com a grande volatilidade no preço das moedas digitais, as stablecoins apontam como moedas do futuro. Pois, diferente das moedas digitais tradicionais, elas possuem lastro de ativos. Isso quer dizer que o preço será sempre estável.

Uma stablecoin que é bastante aguardada para o ano que vem é a Libra do Facebook. A moeda digital já reúne diversas empresas, e devido à abrangência da rede social promete ser uma verdadeira referência mundial.

Conceitos que até pouco tempo eram, dessa maneira, inimagináveis passam a ganhar cada vez mais força. E a década que se descortina diante de nós promete trazer uma profunda mudança de comportamento nos hábitos de consumo.

E a Samsung, portanto, já largou na frente. Basta agora saber o tempo que as demais empresas no setor irão seguir os mesmos passos. E você, está preparado para essa transformação?