Devo investir em criptomoedas memes?

Devo investir em criptomoedas memes?

O que temos observado nos últimos dias é que há uma inundação de criptoativos memes no mercado blockchain. O que era apenas uma piada há alguns anos, ganhou notoriedade com diversos artistas e bilionários influenciando essa alta. Sendo assim, vamos te passar os pontos importantes dessa arena para você decidir se, de fato, vale a pena investir em tokens memes.

Como tudo começou

A história do meme no meio blockchain começou em 2013 quando o Dogecoin surgiu no mercado. A altcoin é um fork do Litecoin e apareceu apenas com o intuito de ser um ativo digital meme que imitaria o famoso Shiba Inu em uma versão digital. Seus criadores são Billy Markus e Jackson Palmer.

De fato, não há muitas peculiaridades no DOGE. O que podemos dizer é que ele é um criptoativo rápido e que possui baixas taxas de transação. Sendo assim, é muito utilizado para transferências e transações de arbitragem. Por essas razões o criptoativo está nas principais exchanges do mundo.

Apesar de possuir essas características, o Dogecoin nunca foi levado a sério no mercado blockchain. Afinal, seus criadores abandonaram o projeto há muito tempo, o DOGE não tem um limite máximo de emissão e há diversas altcoins que cumprem um propósito parecido.

Quando a história começou a mudar?

Um impulso aconteceu no Dogecoin logo após Elon Musk, CEO da Tesla, ir às redes sociais mostrar sinais de apoio ao criptoativo. Musk apontou em seu twitter que era um fã da altcoin meme e isso fez com que ela disparasse em capitalização de mercado.

Só para exemplificar, desde o início deste ano (2021), o Dogecoin cresceu cerca de 9287.75%. Isso representa um aumento superior ao do Bitcoin, principal criptoativo, que cresceu 85.44% no mesmo período.

Todavia, não foi apenas Elon Musk quem impulsionou essa alta. Mark Cuban, bilionário e estrela do Shark Tank, e o cantor Snoop Dogg contribuíram para esse aumento em suas redes sociais. Como resultado de todo esse impulso, criptoativos que se declararam matadores do Dogecoin começaram a surgir no mercado. Agora vemos que o Bitcoin e o Ethereum deixaram de ser o alvo e um ativo digital meme ganhou mais notoriedade.

Shiba Inu, a principal concorrente do Dogecoin

Embora diversos matadores do Dogecoin tenham surgido, nada se compara ao crescimento do Shiba Inu. O token teve um aumento de cerca de 1000% nos últimos sete dias. De acordo com o site do projeto, o Shiba Inu é o token que permite aos usuários manter bilhões ou até mesmo trilhões deles. Ele é um ERC-20 e será o primeiro token a ser listado e usado como um incentivo para o uso do ShibaSwap, uma exchange descentralizada.

Será que os tokens memes valem a pena?

De fato, não há como negar que esses ativos se destacaram nos últimos meses. Todavia, não podemos deixar de alertar que é preciso muita cautela antes de entrar em algum deles. Isso porque possuem alta volatilidade e uma grande emissão de moedas. Além disso, criptoativos com preços baixos costumam estar concentrados em poucas mãos. No caso do Shiba Uni, por exemplo, cerca de 50% de todo o suprimento está nas mãos de Vitalik Buterin, criador do Ethereum.

Os conselhos da BitcoinToYou são: estude o mercado e não entre apenas por medo de ficar de fora.