CRIPTO URNA: CONHEÇA A WAVES

CRIPTO URNA: CONHEÇA A WAVES

No momento em que o ser humano vem ao mundo ele é apresentado a um ambiente centralizado. Sendo assim, é natural que haja a crença que sistemas centrais são a melhor opção para todas as áreas, inclusive a econômica. Certamente você já ouviu que sem um órgão central a desigualdade nunca iria acabar. Contudo, esse discurso vem de pessoas interessadas em continuar nesse modelo antigo, pois são beneficiadas por ele. É através da centralização que o dinheiro não sai da mão da elite, que sistemas burocráticos são criados e pontos únicos de falhas são encontrados.

Por outro lado, temos a descentralização. O contrapeso do sistema vivido durante anos sempre existiu. Todavia, não recebia a atenção que merecia. Com um sistema distribuído, você não vê os limites que são observados na centralização. Um grande exemplo disso é o blockchain. O conceito que ganhou força com o nascimento do Bitcoin funciona de forma descentralizada e já está ganhando espaço no mercado por isso. Ele pode mudar a forma como empresas e pessoas vivem. Ao tirar a necessidade de um órgão central para remessas de dinheiro, por exemplo, você garante uma distribuição melhor da riqueza. Além disso, elimina pontos de falhas.

No entanto, você precisa saber que não existe apenas o blockchain do Bitcoin. Com o passar dos anos outros foram surgindo e é sobre o que nasceu em 2016, com uma equipe de 10 desenvolvedores e que conseguiu arrecadar US$16 milhões em investimentos que iremos falar hoje. Waves é o token da plataforma que surgiu com o intuito de criar um ecossistema que acelere a mudança de sistemas centralizados para os descentralizados. Ela é uma rede aberta para aplicativos da Web 3.0 e soluções descentralizadas personalizadas. Semelhantemente ao Ethereum, você pode criar dApps e tokens na plataforma. Todavia, ela apresenta diversas ferramentas para que essas funcionalidades sejam mais fáceis e acessíveis para desenvolvedores, empresas e usuários finais. Seus contratos inteligentes são mais simples de serem criados que os de sua concorrente e suas taxas menores. Logo, se torna uma grande alternativa ao segundo maior criptoativo do mundo. Sendo assim, leia esse artigo para conhecer mais sobre um dos concorrentes mais fortes do ETH.

Exchange Híbrida

A essa altura você certamente já entendeu os problemas e perigos da centralização. Por isso consegue ver que há uma demanda crescente por exchanges descentralizadas (DEX) no mercado de criptoativos. Quando você utiliza uma DEX não precisa confiar a posse de seus criptoativos a terceiros. Dessa maneira, as negociações ocorrem diretamente entre usuários através de um processo automatizado. Anteriormente, esse era o modelo de exchange oferecido pela Waves.

Contudo, nem tudo são flores. Uma DEX apresenta um grande problema que é a complexidade de utilização, não só para iniciantes, mas usuários frequentes de criptoativos têm dificuldades com ela. Por essa razão, a Waves resolveu lançar uma exchange que reúne o melhor dos dois universos. Ou seja, a nova plataforma de negociação combina a irreversibilidade das transações, a segurança e o controle do usuário dos fundos das exchanges descentralizadas com os recursos das plataformas de negociação centralizadas.

Emissão de tokens facilitada

De fato, o Ethereum é uma evolução do blockchain do Bitcoin. A altcoin conseguiu apresentar um modelo de contratos inteligentes, aplicativos descentralizados e criação de tokens em seu blockchain. Todavia, programar dentro da rede do Ethereum não é uma tarefa fácil. A abordagem da Waves nessa área é diferente, pois o processo de criação de tokens na plataforma é simples. Assim sendo, você não precisa ser programador para criar seus tokens.

Explicando melhor, se você for emitir um token na Waves, não precisará codificar contratos complicados. Todas as funcionalidades necessárias podem ser adicionadas usando plug-ins. Isso torna a emissão de tokens rápida. Você pode criá-los em apenas 60 segundos. É provável que um dos projetos mais notáveis lançados no blockchain da Waves seja o Chrono.tech. A solução de RH em blockchain arrecadou US$5.4 milhões em sua ICO.

Mecanismo de consenso

Com o intuito de trazer velocidade para seu blockchain, a altcoin utiliza o protocolo Waves-NG. Ele exclui qualquer possibilidade de criação de forks, enquanto acelera significativamente o rendimento da rede e reduz o tempo para a criação de um novo bloco.

Além disso, a Waves dispensa o proof of work para utilizar o proof of stake. Por analogia, o POW é parecido com uma caça ao tesouro. Nesse processo você precisaria “cavar” até encontrar seu metal precioso. O POS, por outro lado, é mais como uma loteria — quanto mais tickets você tiver, melhores serão suas chances. Utilizando esse exemplo na altcoin, o detentor de 1 milhão de Waves terá uma chance maior de extrair um bloco que aquele que possui 10.000 Waves.

Recompensas

Enquanto os criptoativos dominantes do mercado, Bitcoin e Ethereum, oferecem recompensas apenas para os mineradores, a Waves decidiu recompensar também a comunidade da altcoin. Assim sendo, criou outros dois tokens: MRT (The miners reward) e WTC (The Waves Community Token). O MRT é utilizado para recompensar os mineradores por manterem um nó de processamento. O Hodling MRT qualifica você para distribuições de outros tokens criados na Plataforma Waves. Além disso, oferece direitos de voto no POS.

Para a comunidade, a Waves criou o WCT. De acordo com a equipe do criptoativo, os airdrops desse token foram criados para incentivar o envolvimento da comunidade e aumentar a segurança da rede, removendo os saldos Waves das exchanges. Ademais, os holders têm direito a voto na rede POS.

Conclusão

Em conclusão, a Waves é uma das principais concorrentes do Ethereum. Certamente ela tem força para atrair desenvolvedores para sua plataforma, pois oferece um processo de codificação mais barato e mais conveniente que a sua rival e as demais opções do setor financeiro tradicional. Ela tem liquidez e uma tecnologia avançada. Ademais, a altcoin vence o ETH com suas taxas baixas, velocidade e escalabilidade de seu blockchain. Após entender como a Waves funciona, você já tem mais clareza para saber se é realmente essa altcoin que deseja ver aqui na Bitcointoyou. Não esqueça de votar na Cripto Urna.