Como surgiu o Bitcoin? Descubra agora como nasceu a criptomoeda

Como surgiu o Bitcoin? Descubra agora como nasceu a criptomoeda

Nesse post vou falar sobre como surgiu e de onde veio a inspiração para a criação da mais famosa moeda virtual do mundo, a Bitcoin. Em seguida farei um breve histórico.  Vamos lá?

Como surgiu e o que é Bitcoin

 Bitcoin é uma criptomoeda que surgiu em 2008 logo após a publicação de um white paper no grupo de discussão The Cryptography Mailing. O documento assinado por uma pessoa ou grupo de pessoas sob o pseudônimo Satoshi Nakamoto, apresentou a proposta e o funcionamento da moeda virtual. Sobre Nakamoto até hoje não se conhece sua verdadeira identidade.

A moeda é totalmente virtual e não é emitida ou controlada por nenhum Banco Central. Ela é produzida de forma descentralizada por milhares de computadores, mantidos por pessoas que “emprestam” a capacidade de suas CPU’s para criar bitcoins e registrar todas as transações feitas. Portanto, quanto mais potente for a sua máquina mais dinheiro você pode produzir.  

Por que surgiu o Bitcoin?

De acordo com o documento assinado por Nakamoto, a moeda surgiu para suprir a necessidade de realizar transações monetárias peer-to-peer, ou seja, de pessoa para pessoa, de forma segura. Tudo isso, sem precisar do intermédio de terceiros, no caso, bancos ou qualquer instituição financeira como operadoras de cartões de crédito, ou bancos virtuais.

Além disso, era preciso garantir que a moeda não perderia força se houvesse dois gastos partindo de uma só moeda, em caso de fraude. A solução para esse problema foi a implementação do mecanismo “prova de trabalho” que registra a data e a hora de uma transação.

A incorporação desse conceito unido ao fato de o Bitcoin ser a primeira criptomoeda descentralizada, ou seja, desvinculada de instituições financeiras, e com a criação do primeiro banco de dados de blockchain, tornou-a uma revolucionária no mercado de moedas digitais. Entenda melhor o funcionamento do dispositivo lendo abaixo o resumo do white paper publicado em diversas línguas no website Bitcoin.org:

Como surgiu o Bitcoin
Resumo do white paper publicado pela Bitcoin.org

Histórico das moedas virtuais

Outro aspecto que está conectado ao surgimento do Bitcoin é ligado ao fato de que outras moedas virtuais já haviam sido lançadas anteriormente de maneira que possa ter inspirado o enigmático Satoshi Nakamoto a criar o Bitcoin. Confira o histórico.  

1982 – Nascia o conceito do e-Cash

O cientista da computação David Chaum, o precursor da moeda digital, propôs o conceito de e-Cash publicado em seu segundo artigo importante: “Assinaturas cegas para pagamentos não rastreáveis”, que detalhava uma nova forma de criptografia que ele alegava permitir um sistema de pagamento automatizado em que terceiros não enxergavam informações da operação. Isso em um momento em que os veteranos do Bitcoin, como Pieter Wuille, Erik Voorhees ou Peter Todd, ainda não eram nascidos, ele havia projetado uma solução para realizar um sistema de pagamento anônimo para a Internet.

1990 – DigiCash, a criptomoeda de Chaum

Nesse ano o criptógrafo tentou implantar essa ideia, que criaria um sistema de assinatura cega criando o DigiCash, empresa fundada em Amsterdã, na Holanda, projetada, como o Bitcoin, para ser uma moeda online segura e protegida. A reputação de Chaum atraiu investidores de capital de risco, mas o produto não deu certo e no final dos anos 90, o DigiCash estava falido. Ainda assim, Chaum inspirou outras pessoas a criarem suas próprias moedas virtuais. 

1997 – Hashcash

Adam Back inventou o hashcash, um sistema de prova de trabalho (proof-of-work) que seria muito similar ao que o Bitcoin usa atualmente.

1998 – B-money

O engenheiro de computação, Wei Daí publica um estudo sobre o “b-money”, um sistema de caixa eletrônico distribuído anônimo, como ele definiu. No artigo, Dai descreve as propriedades básicas de todos os sistemas modernos de criptomoedas como sendo um esquema para um grupo de pseudônimos digitais não rastreáveis para pagar um ao outro com dinheiro e fazer cumprir contratos sem ajuda externa, semelhante ao Bitcoin.

Ainda nesse ano, Nick Szabo criou o conceito do “Bit Gold”, embora sua total publicação tenha vindo apenas em 2005. A propriedade central do Bit Gold foi a prova do trabalho, o truque criptográfico utilizado pelo Dr. Adam Back em seu Hashcash “moeda anti-spam”. A prova do trabalho representava o custo imperdoável que a Szabo procurava, pois, exigia recursos do mundo real – poder computacional – para produzir essas provas.

Apesar dos esforços esses projetos não se efetivaram, porque ninguém havia conseguido resolver o problema do gasto duplo de uma mesma moeda.

2008 ­– Bitcoin, o surgimento

Em agosto desse ano surge o Bitcoin com o registro do site Bitcoin.org. Em novembro seu white paper foi publicado sob o título “Bitcoin: Um sistema de Dinheiro Eletrônico ponto-a-ponto” ou “Bitcoin: A Peer-to-Peer Electronic Cash System“, originalmente em inglês. A ideia tinha aspirações similares as dos projetos anteriores: assinaturas digitais seguras, não exigindo o intermédio de terceiros, prova-de-trabalho e hashing das transações para formar uma cadeia de segurança e gerar autonomia.

2009 – Bloco Gênesis

No dia nove de janeiro, o primeiro bloco de Bitcoin, conhecido como o Bloco Gênesis, foi extraído estreando a primeira interação do software do Bitcoin. A primeira transação de Bitcoin ocorreu em 12 de janeiro quando Nakamoto enviou 10 Bitcoins para o programador e desenvolvedor californiano, Hal Finney.

Em outubro, a primeira taxa de câmbio da criptomoeda foi publicada no website New Liberty Standard, sob o valor de US$1 para 1.309,03 BTC. Posteriormente, a segunda versão do software foi lançada por Nakamoto em dezembro.

2010 – Primeira compra após o surgimento do Bitcoin

Com uma taxa de câmbio estabelecida, a primeira compra com Bitcoin foi realizada em 22 de maio. O então morador de Jacksonville – Flórida, Laszlo Hanyecz enviou, 10,000 BTC para o estudante britânico, Jeremy Sturdivant, que vivia em Londres, em troca de duas pizzas. Sturdivant, por sua vez, fez o pedido pela franquia Papa John’s e pediu para que fosse entregue na casa de Hanyecz.

Ainda que de maneira informal, foi assim que se deu a primeira compra com bitcoin, o que gerou um lucro de 16 dólares para o estudante britânico, pois o valor dos 10 mil btc recebidos valeram na época 41 dólares, porém ele pagou apenas 25 pelas duas pizzas. Desde então o dia 22 de maio vem sendo comemorado como o Bitcoin Pizza Day.

Resultados

Atualmente, maio de 2020, um bitcoin vale 50 mil reais. Essa grande valorização da criptomoeda, desde o surgimento do Bitcoin, chamou a atenção do mercado de câmbio e impulsionou a abertura de casas de troca de Bitcoin. Em 2017 o valor de um bitcoin teve a maior alta de sua história chegando à marca de 19,500 dólares.