Bitcoin chega a 18 milhões de moedas mineradas!

Bitcoin chega a 18 milhões de moedas mineradas!

O Bitcoin atingiu no mês passado a incrível marca de 18 milhões de moedas mineradas. E isso quer dizer que agora restam apenas 3 milhões de unidades somente.

Desde o seu lançamento, todos sabiam que a quantidade de Bitcoins era limitada em 21 milhões de unidades. Esse valor está programado para ser alcançado no ano de 2140. Ou seja, não estaremos vivos para ver a chegada desse dia.

Todavia, em onze anos, 85,7% dos Bitcoins existentes já foram minerados. E o que isso quer dizer? Quer dizer que quanto mais criptomoedas são mineradas, mais lento vai sendo o processo de produção.

Embora possa parecer um pouco confuso, esse processo é facilmente explicável. Vamos entender.

Leia também – Bitcoin, um sonho que nascia há 11 anos atrás

Como é calculado o preço do Bitcoin?

O Bitcoin é uma criptomoeda descentralizada que funciona através da tecnologia Blockchain. Sendo assim, para cada bloco que é minerado, são produzidos 12,5 novos bitcoins. Essa é a recompensa pela mineração.

No entanto, a recompensa nem sempre é a mesma. A cada 210.000 blocos minerados, a recompensa cai em 50%. Com isso, a quantidade de bitcoins por bloco vai diminuindo a cada 4 anos aproximadamente.

Considerando que o bloco permaneça o mesmo, ou seja, sendo extraído um a cada dez minutos, a última nova criptomoeda só será minerada no ano de 2140.

Desse modo, o valor do Bitcoin, que é baseado na oferta e procura tende a aumentar anualmente. E isso segue uma lógica. Como a recompensa por bitcoin vai caindo, e vão existindo cada vez menos moedas digitais no mercado o seu preço vai subindo.

E o que acontecerá quando a última unidade for minerada?

Essa é uma pergunta que muitos investidores se fazem. Quando o último Bitcoin for minerado, como seria recompensado os mineradoras responsáveis pela rede? A resposta é a taxa de mineração das transações.

Hoje, todas as transações realizadas na rede bitcoin pagam uma taxa. Essa taxa é usada para remunerar os mineradores, que além delas ainda ganham 12,5 unidades por bloco. Contudo, a preocupação sobre o futuro do Bitcoin não diz respeito à nós e nem tampouco nossos filhos.

Afinal, com a expectativa de vida girando em torno de 80 anos, somente as pessoas nascidas depois de 2060 estarão vivas para ver o fim das minerações. Até lá, muita coisa ainda pode acontecer.

Conquanto, a única verdade inquestionável é que nesse tempo o valor de cada unidade de Bitcoin irá crescer. E quem estiver preparado, certamente conseguirá atingir a tão sonhada liberdade financeira investindo em Bitcoin.