O que é OTC? Entendendo o mercado de balcão

O que é OTC? Entendendo o mercado de balcão

Muita gente se pergunta o que é OTC. Over the counter, também conhecido como mercado balcão, dá a possibilidade para que investidores realizem negociações em um novo ambiente, de uma maneira mais simples, rápida e prática.

Como é possível ver, o OTC difere da bolsa de valores, ou de uma corretora de venda de criptomoedas tradicional. Por essa razão, é importante entender o que significa este mercado bem como a sua segurança.

O que é OTC?

OTC é a sigla em inglês para over-the-counter. Essa sigla representa os ambientes e operações paralelas para negociar ativos financeiros. No Brasil, OTC também é popularmente conhecido como mercado de balcão.

Em outras palavras, é possível afirmar que OTC é um mercado de títulos não regulamentados que não seguem as regras tradicionais. Se a negociação for de ações, nesse caso não seguem a regra da bolsa de valores.

Por não possuir tanta regulamentação, este mercado permite a entrada de empresas com menor expressão. Para quem negocia criptomoedas, fica mais fácil realizar a compra e vendas das mesmas, inclusive sem taxas de operação.

Entendendo um pouco mais sobre o sistema de relação nas criptomoedas.

Para que possamos falar um pouco mais sobre a regulamentação do mercado de balcão, é preciso esclarecer como é dividido o sistema de negociação de ativos no Brasil.

Há, portanto, três segmentos:

  • Bolsa de Valores e corretoras de vendas de criptomoedas – Esse é um ambiente bem mais organizado e rigoroso. No caso da bolsa, as empresas listadas precisam ser constantemente auditadas, possuir práticas de governança corporativa, pois elas é regulamenta e fiscalizada pela CVM (Comissão de Valores Mobiliários). As exchanges de criptomoedas precisam seguir também todas as normas do segmento;
  • Mercado de Balcão organizado – Esse é um mercado onde as empresas que estão listadas na bolsa de valores, porém as ações não são vendidas dentro da bolsa, uma vez que são vendidas em acordos à preço fixo. No entanto, as organizações nesse segmento não estão sujeitas a audições ou atualizações de 15 em 15 minutos. Aqui não há a fiscalização da CMV.
  • Mercado de Balcão não organizado – Aqui as empresas, ou pessoas que negociam não precisam lançar ordens no sistema, sendo que não há nenhum registro mesmo depois de realizada uma venda ou compra. Por ser um mercado desorganizado acaba ocorrendo a comercialização de ativos sem liquidez. E assim, como o mercado de balcão organizado não há a fiscalização da CMV.

Agora que já entendemos quais são os tipos de mercados onde é possível negociar um ativo, podemos então concluir que a OTC corresponde ao mercado de balcão não organizado.

Por se tratar de um mercado bem pouco regulado, ele acaba sendo regido pela lei da oferta e procura. Dessa forma, pode ser encontrado qualquer ativo de qualquer empresa neste segmento.

Assim como acontece na bolsa de valores, as operações podem acontecer em uma plataforma online bem como por telefone. No entanto, é preciso salientar que em muitos casos não há administração por instituições e registros em comissão de valores mobiliários.

Regulamentação do mercado de balcão

Embora seja um mercado não organizado, no Brasil existe uma regulamentação que garante, de certo modo, mais segurança para quem deseja operar nesta modalidade comprando e vendendo ativos ou criptoativos.

Essa regulamentação foi desenvolvida através da Sociedade Operadora de Mercado de Ativos (SOMA). Após lançado esse sistema, os títulos que até então eram negociados fora da bolsa passaram a ser registrado.

No ano de 2002, a SOMA foi adquirida pela B3 passando a se chamar SOMA FIX. Desde então, mesmo sendo um mercado de balcão não organizado, passou a ter fiscalização e autorização da CVM para que as operações fossem realizadas.

Antes dessa organização que foi proposta pela SOMA FIX, as operações eram realizadas sem nenhum registro e controle do volume financeiro de um ativo e fluxo de ordens. Por isso, a regulamentação trouxe mais segurança para os investidores.

Está gostando deste artigo? Então experimente ler este também – As criptomoedas nacionais irão mesmo decolar em 2020? Saiba mais!

Como operar no mercado de OTC?

Por ser um mercado não organizado não existe um lugar fixo para que seja feito, sendo que diversas são as plataformas autorizadas a realizar negociações nesta modalidade.

Sendo assim, as negociações acontecem diretamente entre os vendedores e compradores de ativos através de uma plataforma de uma corretora de valores. Isso além de diminuir o custo, ajuda a melhorar a agilidade do processo.

Essas corretoras, por sua vez, farão o registro das transações na câmara dos registros. Portanto, com essa segurança que foi imposta ao mercado de balcão não organizado, o investidor passou a ter mais respaldo.

Quais são as vantagens de operar no mercado de balcão?

Como é possível ver, esse é um mercado que possui menos regulamentação e burocracia, e por conseguinte também tem algumas vantagens. Para quem deseja negociar criptomoedas no mercado de balcão, as vantagens são:

  • TAXA ZERO – Não há taxa no momento da negociação do Bitcoin ou qualquer outra criptomoeda;
  • RAPIDEZ – Todas as negociações são feitas através do WhatsApp, sem complicações ou burocracia a ser seguida;
  • COTAÇÃO FIXA – Independente do volume que será negociado, não há alteração de preço na cotação das criptomoedas.

Embora existam diversas vantagens nesta modalidade, por se tratar de um mercado não organizado é fundamental zelar pela segurança. Para isso é preciso escolher uma corretora que tenha experiência neste mercado.

Bitcointoyou está há mais de 10 anos neste segmento

Para quem deseja comprar ou vender Bitcoin no mercado de OTC, é fundamental procurar uma corretora que zele pela segurança nas transações.

Sendo assim, a Bitcointoyou é uma das melhores plataformas neste sentido. Há mais de dez anos no mercado de OTC, a empresa oferece total segurança para que seus clientes possam realizar as operações da maneira mais tranquila possível.

Desse modo, essa é uma excelente oportunidade, principalmente diante de uma situação adversa como a que estamos passando neste momento.

Durante crises globais, como a que estamos vivendo, buscar investir em ativos seguros é uma das melhores formas de proteger o seu patrimônio. E quando as negociações são feitas em mercado de balcão, há o ganho com agilidade e custo.

Então se você estava procurando uma nova oportunidade de investimento, encontrou.