Conheça o Aave, protocolo revolucionário do DeFi

Conheça o Aave, protocolo revolucionário do DeFi

De fato, um dos grandes destaques do mercado DeFi é a possibilidade de pessoas comuns terem acesso a serviços financeiros que os bancos, por sua burocracia, não conseguem oferecer. Apesar de o Bitcoin (BTC) ter nascido com o intuito de quebrar o sistema de transferência de valor, o deixando mais simples, há alguns detalhes que ele não consegue suprir.

 

Só para exemplificar, o BTC não oferece um sistema de empréstimos por si só. Esse é um ponto crucial do DeFi. Ele cumpre a promessa de descentralizar todo o mecanismo de empréstimo de valores.

 

Há plataformas que conseguem se destacar ao oferecer a possibilidade citada. Sendo assim, hoje vamos falar sobre uma das principais, que é o Aave, plataforma lançada em 2017. Conheça o projeto e o token que contam com uma excelente trajetória no mercado blockchain.

 

Conhecendo o Aave

 

De acordo com o site da plataforma, o Aave é um protocolo financeiro descentralizado que permite que as pessoas emprestem e tomem emprestado criptoativos. Para haver incentivo nos depósitos, os credores ganham juros por depositarem ativos digitais em pools de liquidez. Os mutuários podem então usar seu criptoativo como garantia para tomar um empréstimo instantâneo usando essa liquidez.

 

Destaques do Aave

 

Apesar de existirem ativos digitais que concorrem diretamente com o Aave, como a Compound, por exemplo, o protocolo possui alguns destaques que valem a pena serem mencionados. Em 2020, por exemplo, desfrutou da mania do DeFi. Como resultado, foi um dos maiores projetos com valores bloqueados em seu protocolo. Todavia, o impulso do Aave não para por aí. Ele se destaca por conseguir que cerca de 20 criptoativos sejam pedidos e emprestados. Ou seja, o usuário da plataforma possui mais variedade de escolha.

 

Entenda o funcionamento do Aave

 

Aave é um protocolo monetário algoritmo. Sendo assim, os empréstimos são obtidos de um pool em vez de serem individualmente combinados com um credor. Suas taxas de juros dependem da taxa de utilização dos ativos em um pool. Nesse caso, se todos os ativos forem amplamente utilizados, haverá uma alta nas taxas de juros para atrair provedores de liquidez e o sistema não ficará paralisado. Por outro lado, se os ativos não forem utilizados, a taxa de juros cai para que mais pessoas peçam empréstimos.

 

Problema que o Aave precisa vencer

 

Apesar de não ter a barreira burocrática do mercado tradicional, o Aave conta com um grande desafio. Para que o empréstimo seja obtido, o indivíduo que solicitou deve colocar como colateral uma quantidade de criptoativos superior ao que solicitou. Isso é uma grande barreira para o usuário comum. Olhando o cenário atual, apenas os credores estão protegidos, enquanto quem deseja pegar empréstimo precisa de uma escada para ultrapassar o muro.

 

Token Aave

 

O ativo digital da plataforma Aave se mostra bem promissor. O token que nasceu na rede do Ethereum é um utilitário que permite que seus detentores influenciem a mudança no protocolo. Além disso, protege a plataforma de eventos como o Cisne Negro. Os detentores do token também não precisam pagar taxas para pegarem empréstimos denominados no token. Por terem o privilégio de participarem do ecossistema, quem possui o token pode ver quais empréstimos serão liberados antes dos demais usuários do protocolo. Fechando a lista de benefícios, não podemos deixar de comentar que os mutuários que postam AAVE como garantia às vezes podem pedir um pouco mais.

 

Conclusão

 

Conforme observado, ainda há uma questão a ser vencida pela Aave, mas a maturidade do meio blockchain costuma resolver qualquer problema. O projeto conta com mais acertos que erros e as vantagens de possuir o seu token são altas. Por isso, se você se interessou pelo Aave e deseja negociá-lo na BitcoinToYou, não perca a oportunidade de votar em nossa lista de próximas listagens.

 

Tags:
,